Caderno de Questões - ENGENHARIA ELÉTRICA - Normas e Leis, Consumo e Demanda, Aterramento e SPDA - Questões Resolvidas e Comentadas de Concursos (2011 - 2014) - 1º Volume

Caderno de Questões - ENGENHARIA ELÉTRICA - Normas e Leis, Consumo e Demanda, Aterramento e SPDA - Questões Resolvidas e Comentadas de Concursos (2011 - 2014) - 1º Volume

Fabricante: Didática Editorial
Modelo: NLCDAS.01
Disponibilidade: Em Estoque
Preço: R$ 54,90
Qtd:  

Especificação

Livros
Nº de Páginas 171
Formato do Papel A5 - 14,8x21 cm
Capa Colorida
Conteúdo Preto e Branco
Encadernação Brochura

ESTE CADERNO DE QUESTÕES, EM TAMANHO A5, AGREGA QUESTÕES RESOLVIDAS E COMENTADAS DE NORMAS E LEIS, CONSUMO E DEMANDA, ATERRAMENTO E SPDA, DE CONCURSOS DE ENGENHARIA ELÉTRICA, DOS ANOS DE 2011 A 2014.

NÃO REPETIMOS QUESTÕES RESOLVIDAS E COMENTADAS DE OUTROS MATERIAIS ANTERIORMENTE ELABORADOS. AS QUESTÕES QUE INTEGRAM ESTE MATERIAL NÃO CONSTAM NOS VOLUMES 1,2,3,4 E 5 DE ENGENHARIA ELÉTRICA.

Este material tem por objetivo servir de apoio para aqueles que prestam concursos públicos na área de Engenharia Elétrica. São 146 questões resolvidas e comentadas (NORMAS E LEIS, CONSUMO E DEMANDA, ATERRAMENTO E SPDA), com o propósito de fazer com que o leitor entenda de forma clara e objetiva o assunto. Tendo em conta a dificuldade de encontrar material disponível na área e a extensa lista de conteúdos exigida para os concursos, a intenção é que através deste material, o leitor consiga aprofundar conceitos, entrar em contato com o que está sendo exigido e se preparar para as provas escolhidas.


DADOS DA OBRA
 
ELABORAÇÃO: MARCIO DE FREITAS
COLABORAÇÃO: ÂNGELO FELIPE SARTORI, FERNANDO SCHRENK
CAPA: ADRIANO AMADEU

QUESTÕES DE NORMAS E LEIS, CONSUMO E DEMANDA, ATERRAMENTO E SPDA DAS PROVAS:

CETAM - FCC - 2014;
CONAB - IADES - 2014;
COPASA - FUNDEP - 2014;
CPTM - CAIP - 2014;
DPE-RJ - FGV - 2014;
IF-MT - IFMT - 2014;
INSS - FUNRIO - 2014;
TJ-AP - FCC - 2014;
TJ-PA - VUNESP - 2014;
TRF-5 - SUSTENTE - 2014;
UEAP - UFG - 2014;
UF-PA - CEPS - 2014.
 
DCTA - VUNESP - 2013;
DPE-SP - FCC - 2013;
ELETROBRAS-AM - BIORIO - 2013;
INPI - CESPE - 2013;
INSS - FUNRIO - 2013;
LIQUIGÁS - CESGRANRIO - 2013;
MJ - CESPE - 2013;
MPE-MA - FCC - 2013;
MPU - CESPE - 2013;
SISEMA-MG - FUNCAB - 2013;
SUDENE - FGV - 2013;
TJ-AM - FGV - 2013.
 
CAERD - FUNCAB - 2012;
CAM.DEPUTADOS - CESPE - 2012;
CASA DA MOEDA - CESGRANRIO - 2012;
MPE-RO - FUNCAB - 2012;
PREF.SJCAMPOS - VUNESP - 2012;
PREF.SÃO PAULO - VUNESP - 2012;
TERMOBAHIA - CESGRANRIO - 2012;
TRANSPETRO - CESGRANRIO - 2012;
TRE-RJ - CESPE - 2012;
TRF-4 - FCC - 2012;
TRF-5 - SUSTENTE - 2012;
TRT-6 - FCC - 2012.
 
CELESC - FEPESE - 2011;
CREA-CE - CETREDE - 2011;
IEEA - CEPERJ - 2011;
PETROBRÁS - CESGRANRIO - 2011;
PETROQUÍMICA-SUAPE - CESGRANRIO - 2011;
PREF.IBIRITÉ - MSCONCURSOS - 2011;
PREF.S.GONÇALO - COSEAC - 2011;
PREF.V.GRANDE - FUNCAB - 2011;
SAD-PE - UPENET - 2011;
SEGER-ES - CESPE - 2011;
STM- CESPE - 2011;
TJ-ES - CESPE - 2011.

Segue abaixo a resolução de uma questão para demonstrar como o material foi elaborado:

59.(PETROQUÍMICA-SUAPE/CESGRANRIO/2011) O solo é considerado um condutor através do qual uma corrente elétrica pode fluir. O Eletrodo de Aterramento é o condutor (ou conjunto de condutores) enterrado e eletricamente ligado ao solo, sendo que
A) o Aterramento Funcional é a denominação dada à ligação à terra de um dos condutores vivos do sistema, em que este, em geral, é o neutro.
B) a resistência de aterramento é dada pelo potencial elétrico médio da área do solo de dispersão de uma corrente elétrica dividido pelo valor nominal dessa corrente.
C) a composição do solo é determinante na construção da malha de aterramento, mas a umidade e a temperatura presentes pouco influem nisso.
D) os solos ricos em vegetais e situados no fundo de vales apresentam elevada resistividade.
E) as mais baixas resistividades de solo são encontradas em terrenos arenosos e rochosos.
 
 
Resolução:
Alternativa A – Correta: a classificação funcional do aterramento ocorre quando há a necessidade de fixar o potencial elétrico nulo a um condutor que constitui parte viva da instalação, ou seja, que normalmente conduz corrente elétrica. O aterramento funcional é aplicado em diversos casos como: sistemas de comunicação, ponto neutro de transformadores trifásicos em estrela e/ou redes de distribuição, prevenção contra interferências eletromagnéticas em dispositivos eletrônicos etc.
Alternativa B – Incorreta: a resistência de aterramento é dada pela razão entre a variação de potencial elétrico de um eletrodo em relação a um ponto de referência e a corrente por este injetada no solo. Esse método é inclusive um dos previstos pela NBR 5410/2004, para a medição de resistência de aterramento de instalações. 
Alternativa C – Incorreta: a umidade e temperatura influenciam diretamente na condutividade do solo, que por sua vez é fator determinante na resistência de aterramento.
Alternativa D – Incorreta: solos com essas características tendem a reter umidade e sedimentos orgânicos que tendem a reduzir sua resistividade.
Alternativa E – Incorreta: baixas resistividades são encontradas em solos com características argilosas, onde a umidade é predominante.
Alternativa A é correta.
 

DOWNLOAD DE MAIS QUESTÕES DEMONSTRATIVAS

ÍNDICE

Comentários (1)

Fazer um comentário

Seu Nome:


Seu Comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim           Bom

Digite o código da imagem:



Tags:

DIDATICA EDITORIAL - CNPJ 12.834998/0001-09 - Alameda Doutor Carlos de Carvalho, 655, Loja 11 - Centro - 80430-180 - Curitiba/PR - Telefones: (41) 3408-9972 - (41) 9702-0059 TIM - Funcionamento das 9:30 as 18 horas em dias uteis - Lepchak Design

Assine nossa Newsletter